As pastagens são seu único lar

Nas pastagens, uma quantidade significativa de Principais áreas de biodiversidade (KBAs) y Áreas importantes para pássaros (IBAs) que abrigam uma rica biodiversidade. Por exemplo, milhares de espécies de plantas vasculares (+550 gramíneas) foram detectadas nos pampas e nas planícies do Cone Sul.

A diversidade de vertebrados também é alta. Por exemplo, nessas pastagens há:

+ 540 espécies de aves + de 138 mamíferos + de 225 répteis

 

LInfelizmente, de acordo com a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN), 130 espécies estão sob algum grau de ameaça. Das 109 espécies de pássaros registradas, mais de um quinto está globalmente ameaçado em algum grau.

 

Ainda mais preocupante é o fato de que menos de 0,2 a 0,5% desses territórios são protegidos por Áreas Protegidas Estaduais. Portanto, é fundamental garantir a proteção e a recuperação de longo prazo das pastagens por meio de planos de conservação e produção sustentável. Dessa forma, não apenas a biodiversidade é protegida, mas também seu patrimônio cultural e pecuário.

Aves residentes e migratórias de curta distância

Yetapá de Collar

Alectrurus risora

      

Tordo amarelo

Xanthopsar flavus

      

Peito Branco Capuchinho

Sporophila palustris

      

Cappuccino Corona Cinza

Sporophila cinnamomea

      

Nandú

Rhea americana

      

Canela Tachuri

Polystictus pectoralis

      

Ratoeira Aperdizada

Cistothorus platensis

      

Aves migratórias de longa distância

Harrier de Montagu

Buteo swainsoni

      

Charlatão

Dolichonyx oryzivorus

      

Tarambola de Pampa

Tryngites subruficollis

      

Playerito Canela

Calidris subruficollis

      

Playerito peitoral

Calidris melanotos

      

Batitú

Bartramia longicauda

      

Mamíferos

Veado do pântano

Ozotoceros bezoaricos

      

Capivara

Hydrochoerus hydrochaeris

      

Mulita Pampeana

Dasypus hybridus

      

Aguará Guazú

Chrysocyon brachyurus

      

pt_BRPT